17 de setembro de 2017

Brick Clérigos




E finalmente conseguimos uma escapadela a dois e fomos conhecer o restaurante Brick, nos Clérigos. Que boa energia este espaço transmite!
Começa logo pela longa e espaçosa mesa comum no centro do restaurante. Aquela mesa do tipo familiar que te leva logo a sentir em casa. Sim, partilhas a mesa com gente que não conheces mas se à primeira vista pode parecer estranho, no instante seguinte estás a pensar que estás em casa rodeada de amigos e família.






O espaço é super acolhedor e cheio de pormenores deliciosos: os livros e revistas à disposição. As canetas. As jarras. Os utensílios de cozinha pendurados. As especiarias e condimentos ali à mão... E quanto à comida... a comida é simplesmente deliciosa! Divinal e ótima relação qualidade preço. Restaurante super aprovado e super recomendado!

Contactos:
https://www.facebook.com/brickclerigos
Rua Campo dos Mártires da Pátria, 103
Porto



16 de setembro de 2017

Impulsos.

Quanto mais leio sobre viagens. Quanto mais leio sobre viver mais com menos. Mais me apetece mudar radicalmente de vida.

10 de setembro de 2017

Birras.

Aos 4 anos e 10 meses as birras do menino mais crescido cá de casa estão no auge. Influência ou não do mano de 2 mas as coisas têm sido desafiantes por aqui. Ontem, depois de lhe dizer pela milionésima vez que não podia fazer determinada coisa, já nem me lembro bem o quê dada a quantidade de vezes que isto tem acontecido. No meio do choro de birra, com o olhar muito triste vira-se para mim e diz:

"Já não sou mais teu amigo. E não te deixo tirar mais "trografias" ao que eu faço."

Não sei onde vão buscar a capacidade de ir buscar estas coisas e de fazer estas relações "sei-que-gostas-de-fotografias-então-vou-dizer-que-não-me-tiras-mais" mas que é assustador isso é.

3 de setembro de 2017

3 semanas de férias...




.... quase quase a chegar ao fim. Foram cansativas mas boas muito boas estas férias. Claro que ficaram marcadas pela famosa e inoportuna varicela. Primeiro no Diogo e depois em plena quinzena de praia no Dinis. Não nego que foi chato, ele não saiu de casa durante uma semana enquanto o irmão ia à praia e à piscina todos os dias. O super pai foi incansável com ele e nós sobrevivemos. E eles aproveitaram juntos os últimos dias de praia. E o meu coração aqueceu nesses dias por vê-los juntos e felizes. 

Amanhã voltam as rotinas. E eu só penso no quanto dava para ficar com eles mais tempo. Vê-los crescer, acompanhá-los nas brincadeiras, nas aprendizagens e aventuras. Sem horas marcadas.

Design, coding and theme by Ana Garcês.
Três Quartos de Tudo © 2014-2016